terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Syd Barrett


Você sabia quem foi o cara que batizou o Pink Floyd? Ao citar o grupo, a maioria das pessoas se lembra de The Dark Side Of The Moon (Discoteca Básica 21), lançado em 73. Notável recordista em permanência na parada da Billboard (303 semanas!). o disco ainda vende horrores até hoje.

Mas fãs radicais - entre os quais eu me incluo - dariam prioridade ao primeiro álbum, The Piper At The Gates Of Dawn, gravado em 67, no mesmo estúdio em que os Beatles estavam concebendo seu Sgt. Peppers ... Cada banda ia xeretar o que a outra fazia - e era comum fumarem alguns "baseados" juntos, No Pink Floyd, quem é que dava as cartas? Syd, líder do grupo e autor de dois singles clássicos: "Arnold Layne" e "See Emily Play".

Precursor do psicodelismo na aurora efervescente da Swinging London, foi um caso curioso: filho caçula de uma família numerosa - mas próspera - , ele cresceu amargando vários traumas,.Interessava-se por pintura e por cultos obscuros, porém se apaixonou pelo Rock. Foi dos primeiros a se ligar nos Beatles e nos Rolling Stones. No Pink Floyd, sua carreira foi curta. Em 68 - quatro anos após ter criado o grupo - foi "demitido". Motivos? Suas atitudes despirocadas, cada vez mais freqüentes, conseqüência óbvia para quem tomava de três a quatro pastilhas de LSD diariamente. Excesso vindo dos problemas anteriores de Syd - uma vez ele disse: "Todo mundo diz que se divertia quando era jovem; não sei por que, mas eu nunca consegui". Com tanta piração, a tragédia não tardaria.

Ao mesmo tempo em que o Pink Floyd virava sensação no meio underground, Syd parecia não ter mais controle de sua louca opção de vida. Exemplos? No show da TV britânica Top Or The Pops, eles iam dublar uma canção, Enquanto o som do playback rolava, Syd - em farrapos, como um mendigo - nem mexia os lábios para cantar, Em outra ocasião, ao dar uma entrevista ao astro brega Pat Boone, na TV americana, ele se limitou a responder às perguntas com seu olhar catatônico. sem pronunciar uma palavra sequer.Nos shows, era pior. Ora cismava em tocar apenas um acorde a noite inteira, ora parava para afinar sua guitarra durante as músicas. Certa vez subiu ao palco com a cabeça lambuzada com uma mistura de brilhantina e pílulas tranqüilizantes esmagadas. Sob o calor dos refletores, a gosma se derretia dando a impressão que seu rosto se desfazia.

David Gilmour, antigo colega de Syd, foi chamado - a princípio como segundo guitarrista - pelo baixista e "vice-líder" Roger Waters. Logo, ficou claro que o "louco" não podia continuar. Mas Syd - ao menos - daria a "última gargalhada".

Após ter sido afastado do "seu grupo" no início de 68, o cara pegou mais pesado nas drogas e acabou internado em uma clínica psiquiátrica, Foi quando Gilmour. Waters e outros nomes ligados ao staff do Pink Flovd resolveram bancar o resgate do mentor da banda, com um disco-solo.

Gravado em sessões esparsas ao longo de 69. The Madcap Laughs foi a prova definitiva da alma criativa ímpar de Syd. ainda que em processo de desintegração, Canções como "Terrapin" ou "Octopus" mereceriam estar em qualquer ABC do psicodelismo. Syd soava de forma impressionante em registros só com voz e violão (como no ritmo trincado de "Dark Globe", nas progressões com acordes inusitados de "Feel" e em "If It's In You". com início abortado, gaguejadas e desafinações). Sem contar jóias raras como "Long Gone" e "Golden Hair" - esta última com versos de James Joyce, musicados por Syd.

Depois ele fez apenas mais um disco, Mas não importa que tal visionário tenha só essas obras. Já dizia Rimbaud, "sejamos avaros como o oceano".

Texto | Celso Pucci
Discoteca Básica da Bizz | Edição 114, Janeiro de 1995

1970 | THE MADCAP LAUGHS

01. Terrapin
02. No Good Trying
03. Love You
04. No Man's Land
05. Dark Globe
06. Here I Go
07. Octopus
08. Golden Hair
09. Long Gone
10. She Took A Long Cold Look
11. Feel
12. If It's In You
13. Late Night
14. Octopus (Takes 1 & 2)
15. It's No Good Trying (Take 5)
16. Love You (Take 1)
17. Love You (Take 3)
18. She Took A Long Cold Look At Me (Take 4)
19. Golden Hair (Take 5)

DOWNLOAD

Nenhum comentário: